O mito e a cultura de memória Celtas

uma convergência de imaginários

  • Erick Carvalho De Mello Doutor em Memória Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO
Palavras-chave: Celtas, Memória, Celticismo

Resumo

Este artigo pretende debater o papel das diferentes apropriações do que se entende por “cultura celta” na formação das identidades nacionais de grupos como irlandeses, escoceses e bretões franceses. Neste intento, nós procuramos identificar como o mito do celtismo é construído na História recente e como a partir deste mito uma cultura de memória é formada e nos possibilita entender mais sobre os conflitos históricos que esses grupos enfrentam hoje.

Apresentamos aqui um esboço teórico sobre o assunto nos apoiando na formação histórica do mito do celtismo e em como por uma perspectiva da memória cultural esses diferentes imaginários sociais convergem no que podemos chamar de uma “invenção de memória celta”.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
08-07-2020
Como Citar
DE MELLO, E. O mito e a cultura de memória Celtas. Fronteiras: Revista Catarinense de História, n. 35, p. 50-69, 8 jul. 2020.