Reaproveitamento de Água Residuária com Silício da Indústria de Semicondutores na Indústria da Construção Civil

Um Método para Simbiose Industrial

  • Antonio Sérgio Brejão Universidade Paulista UNIP
  • Oduvaldo Vendrametto Universidade Paulista - UNIP
  • Marcos de Oliveira Morais Universidade Paulista - UNIP
  • Osmildo Sobral dos Santos Universidade Paulista - UNIP
  • Celso Affonso Couto Universidade Paulista - UNIP
Palavras-chave: Simbiose Industrial; Água residuária; Silício; Artefatos de Concreto.

Resumo

A proposta desta pesquisa é analisar a possibilidade de reaproveitamento da água residuária com silício para a produção de artefatos de concreto como possível aplicação na indústria da construção civil, objetivando-se simbiose industrial. Na metodologia, o pó de silício obtido através do processo do corte de cilindros de silício grau eletrônico foi caracterizado por microscopia ótica após separação da água residuária. O resíduo foi adicionado ao cimento portland constituindo corpos-de-prova. Na sequência, avaliou-se a possibilidade de ganho na resistência à compressão da argamassa comparada a argamassa convencional. Os resultados apresentaram um aumento de aproximadamente 25% da resistência da argamassa devido à redução da granulometria em aproximadamente 71% da mistura convencional, verificando-se assim, a possibilidade técnica da utilização do resíduo na produção de artefatos de concreto. Nos resultados, constatou-se que há a oportunidade de aplicação da simbiose industrial entre os setores da indústria de semicondutores e da construção civil e que a água residuária com silício apresenta-se como uma oportunidade de negócios.

Palavras-chave: Simbiose Industrial; Água residuária; Silício; Artefatos de Concreto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AIRES, Gustavo Paiva. Empreendedorismo ambiental - O que é? 2013. Disponível em: http://www.portaleducacao.com.br/administracao/artigos/47573/empreendedorismo-ambiental-o-que-e#ixzz41s2iKP4b. Acesso em 03 mar. 2016.

ALMEIDA, Cecília M.V.B. de; GIANNETTI, Biagio F. Ecologia industrial: Conceitos, ferramentas e aplicações. São Paulo: Edgard Blucher, 2006.

ALVES, Nilton P. Silício. Disponível em: http://www.quimlab.com.br/guiadoselementos/silicio.htm. Acesso em 05 mar. 2016.

ANGELO, Fernanda Dias; JABBOUR, Charbel José Chiappetta; GALINA, Simone Vasconcelos Ribeiro. Inovação ambiental: das imprecisões conceituais a uma definição comum no âmbito da Gestão Ambiental proativa.

GEPROS. Gestão da Produção, Operações e Sistemas –Ano 6, nº 4 out-dez/2011, p. 143-155. Disponível em: . Acesso em 03 mar. 2016.

ARBUCIAS, Janaina Gameiro. Melhoria da Sustentabilidade pela Aplicação do Conceito de Ecologia Industrial: Estudo de Caso no Setor Eletroeletrônico. 162 p. Tese (Doutorado) apresentada à Escola Politécnica da Universidade de São Paulo para o título de Doutor em Engenharia. São Paulo: 2008.

BORCHARDT, M.; SELLITTO, M. A.; PEREIRA, G. M.; POLTOSI, L. A. C., Implementação do ecodesign: um estudo de caso na indústria eletrônica. XXVII Encontro Nacional de Engenharia de Produção - ENEGEP 2007, Foz do Iguaçu, PR, Brasil, 09 a 11/10/2007. Disponível em: <http://www.abepro.org.br/biblioteca/ENEGEP2007_TR670485_9203.pdf>. Acesso em 29 e abr. 2015.

BOSZCZOWSKI Anna Karina, TEIXEIRA, Rivanda Meira. O EMPREENDEDORISMO SUSTENTÁVEL E O PROCESSO EMPREENDEDOR: EM BUSCA DE OPORTUNIDADES DE NOVOS NEGÓCIOS COMO SOLUÇÃO PARA PROBLEMAS SOCIAIS E AMBIENTAIS-Revista Economia & Gestão – v. 12, n. 29, maio./ago. 2012. E&G -REVISTA ECONOMIA E GESTÃO ISSN 1984-6606 PUC/Minas Disponível em: http://periodicos.pucminas.br/index.php/economiaegestao/article/view/P.1984-6606.2012v12n29p109/4540. Acesso em 03 mar. 2016.

BREJÃO, A. S. POSSÍVEL IMPACTO DA LOGÍSTICA REVERSA NA MELHORIA DA SUSTENTABILIDADE: UM ESTUDO DE CASO DO SETOR ELETROELETRÔNICO. 148 p. Dissertação de Mestrado –Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, 2012.

COSTA, M. I. L.; SILVA, E. R; MATTOS, U. A. O., 20 anos de Eco-eficiência no Brasil: de estratégia de negócios a princípio de Política Pública.Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, 2012.

FARIAS, David Berto. ESTUDO DO PROCESSO DE PURIFICAÇÃO DO SILÍCIO GRAU METALÚRGICO NA FABRICAÇÃO DE CÉLULAS FOTOVOLTAICAS. CENTRO UNIVERSITÁRIO FUNDAÇÃO SANTO ANDRÉ - FACULDADE DE ENGENHARIA CELSO DANIEL -ENGENHARIA ELETRÔNICA –ÊNFASE EM ELETRÔNICA INDUSTRIAL - Relatório apresentado ao Programa de Iniciação Científica do Centro Universitário Fundação Santo André – PIIC, 2013.

FONSECA, G. C., Adições minerais e as disposições normativas relativas à produção de concreto no Brasil: umaabordagem epistêmica. Tese, Universidade Federal de Minas Gerais - programa de pós-graduação em construção civil, Belo Horizonte, 2010.

GAMEIRO, J., Desenvolvimento de Tecnologias Mais Limpas Aplicadas à Microeletrônica. Dissertação, Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, 2002.

LEE, Tzen-Chin; LIU, Feng Jiin, Recovery of hazardous semiconductorindustry sludge as a useful resource. Journal of Hazardous Materials 165 (359–365), 2009.

NETO, Adão de Melo. CIRCUITOS INTEGRADOS. (2015) Disponível em: https://www.ime.usp.br/~adao/ci.pdf. Acesso em 16 jan. 2019.

PBSI – Programa Brasileiro de Simbiose Industrial. O que é Simbiose Industrial?. Workshop: Conectando Empresas, criando oportunidades: 2012. Federação das Indústrias de Minas Gerais -Disponível em: http://www.fiemg.org.br/admin/BibliotecaDeArquivos/Image.aspx?ImgId=34396&TabId=10710&portalid=59&mid=22078. Acesso em 13 jan. 2016.

QUEIROZ, E. F., Melhoria de Processos pelo Levantamento de Indicadores Ambientais via Software, Dissertação, Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, 2006.

SEDRA, Adel S.; SMITH, Kenneth C. Microeletrônica. 4 ed. São Paulo: Makron Books, 2000.

SWART, Jacobus W. Semicondutores: fundamentos, técnicas e aplicações. Campinas: Editora da Unicamp, 2008.

TOPORCOV, V. P. EcoEficiência e EcoEfetividade como Direcionadores de Geração de Valor em Projetos. Uma aplicação em uma empresa no Brasil. Dissertação, Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas, São Paulo, 2009, 88 p. Disponível em: <http://bibliotecadigital.fgv.br/dspace/bitstream/handle/10438/5807/68060200616.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em 29 abr. 2015.

UNEP - United Nations Environment. Programme Division of Technology, Industry, and Economics-EcoEfficiency. Disponível em: http://www.unep.fr/scp/cp/understanding/concept.htm. Acesso em 13 jan. 2016.

BRASIL. LEI Nº 12.305, DE 2 DE AGOSTO DE 2010. Política Nacionalde Resíduos Sólidos (PNRS).Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12305.htm. Acesso em 16 jan. 20

Publicado
18-02-2019
Como Citar
BREJÃO, A.; VENDRAMETTO, O.; MORAIS, M.; DOS SANTOS, O.; COUTO, C. Reaproveitamento de Água Residuária com Silício da Indústria de Semicondutores na Indústria da Construção Civil. Revista Gestão & Sustentabilidade, v. 1, n. 1, p. 71 - 84, 18 fev. 2019.
Seção
Trabalhos Empíricos e Ensaios