Articulação do setor produtivo local com a rede federal de educação: um relato de experiência com Pequenas e Médias Empresas do Rio Grande do Norte

  • Letícia Bezerra da Silva Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte
  • Talita Primo do Nascimento
  • Paula Wabner Binfaré
  • Helber Wagner Da Silva
Palavras-chave: Prática extensionista, Articulação com setor empresarial, Gestão da inovação

Resumo

Uma das principais atividades extensionistas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) é a aproximação do setor produtivo local. Isto possibilita o engajamento de estudantes da educação profissional no mundo do trabalho, e este, por sua vez, como princípio educativo. As Pequenas e Médias Empresas (PME) do estado do Rio Grande do Norte compõem uma parcela importante do setor produtivo e o IFRN pode, ao mesmo tempo, beneficiá-las com processos de inovação na gestão, e proporcionar emprego e renda a seus estudantes. Dito isso, este trabalho relata uma prática extensionista cujo objetivo foi aproximar IFRN e PME, por meio da construção de uma base de conhecimento ampliada com informações sobre o perfil de gestão da inovação de PME. O trabalho foi desenvolvido como atividade do projeto internacional EULA-GTEC, fomentado pelo programa ERASMUS+, do qual o IFRN é parceiro associado. A partir de um estudo exploratório, estudantes e professores do Curso de Tecnologia de Gestão do Turismo do Campus Canguaretama realizaram pesquisas de campo, por meio de um instrumento de levantamento de dados oferecido a empresários das PME, entre novembro de 2018 e março de 2019. Houve dificuldades, tais como relutância dos empresários em prover dados, burocracia, entre outras. Uma vez coletados, os dados foram encaminhados à Coordenação de Extensão do Campus Canguaretama, para orientar a elaboração de projetos, envolvendo IFRN e PME, bem como à coordenação do EULA-GTEC, para a análise dos dados e diagnóstico do potencial de inovação e tecnologia das PME.

Palavras-chave: Prática extensionista; Articulação com setor empresarial; Gestão da inovação

Analysis of the innovation and technology potential of small and medium-sized companies in Rio Grande do Norte: an experience report

Abstract: One of the main extension activities of the Federal Institute of Education, Science and Technology of Rio Grande do Norte, Brazil (IFRN) is to approach the local productive sector. This engages vocational education students with the labor world and introduces labor as an educational principle. Small and Medium Enterprises (SME) from Rio Grande do Norte are an important part of the productive sector and IFRN can both help local businesses with innovation management processes and provide their students with jobs and income. That said, this paper reports a service provision aimed at bringing together IFRN and SME, by building an expanded knowledge base with information on the SME innovation management profiles as part of the international project EULA-GTEC, promoted by the ERASMUS + program, of which IFRN is an associated partner. Based on an exploratory study, students and teachers of the Tourism Management Technology Program from Canguaretama Campus carried out field research through a data collection instrument offered to SME entrepreneurs, between November 2018 and March 2019. Collection had drawbacks, such as entrepreneurs' reluctance to provide data, bureaucracy etc. Once data were collected, they were sent to the campus extension coordination to guide the elaboration of new projects involving IFRN and SME and to the EULA-GTEC coordination for data analysis and SME's innovation and technology potential diagnosis.

Keywords: Extension practice; Articulation with the business sector; Innovation and technology potential.

Referências

Agência Nacional de Telecomunicações - ANATEL (2018). Telefonia Móvel - Acessos. Brasília: ANATEL. Recuperado de http://www.anatel.gov.br/dados/destaque-1/283-brasil-tem-236-2-milhoes-de-linhas-moveis-em-janeiro-de-2018

Hudzik, J. (2011). Comprehensive Internationalization: From concept to action. Washington DC: NAFSA.

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. (2012). Projeto Político-Pedagógico do IFRN: Uma construção coletiva. Natal: IFRN.

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. (2017). Regulamento das atividades de extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN). Natal: IFRN.

Knight, J. (2003). Updated internationalization definition. International Higher Education, 33(3), 2-3.

Laville, C., & Dionne, J. (1999). A construção do saber. Belo Horizonte: UFMG.

Oliveira, S. L. (1999). Tratado de metodologia científica: Projetos de pesquisas, TGI, TCC, monografias, dissertações e teses. 2a. ed. São Paulo: Pioneira.

Santos, A. R. (1999). Metodologia científica: A construção do conhecimento. Rio de Janeiro: DP&A.

Tigre, P. B. (2006). Gestão da inovação: A economia da tecnologia no Brasil. Rio de Janeiro: Elsevier.

Publicado
31-05-2020
Como Citar
SILVA, L.; PRIMO DO NASCIMENTO, T.; WABNER BINFARÉ, P.; DA SILVA, H. W. Articulação do setor produtivo local com a rede federal de educação: um relato de experiência com Pequenas e Médias Empresas do Rio Grande do Norte. Revista Brasileira de Extensão Universitária, v. 11, n. 2, p. 145-151, 31 maio 2020.
Seção
Artigos