ESTÍMULO À SUCESSÃO FAMILIAR NA BOVINOCULTURA DE LEITE: RELATO DE EXPERIÊNCIA

  • Raquel Breitenbach Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Sertão
  • Caroline Citta Mazocco Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – Campus Sertão
  • Graziela Corazza Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Sertão
Palavras-chave: Desenvolvimento Rural, Crianças, Sucessão Geracional, Pecuária de Leite

Resumo

A bovinocultura de leite é uma atividade considerada penosa pelos agricultores, pela elevada carga de trabalho, horários rigorosos, complexidade das atividades e oscilações constantes na remuneração. Consequentemente, é uma das atividades agropecuárias com maior dificuldade na sucessão familiar. O Projeto de Extensão “Quem vai cuidar das “Mimosas”? Sucessão Familiar na Bovinocultura de Leite” foi desenvolvido com o objetivo de auxiliar no processo de sucessão rural, estimulando crianças, adolescentes e jovens de Sertão, Rio Grande do Sul, e entorno a gostarem do campo e da atividade de bovinocultura de leite. O presente trabalho objetivou resgatar e analisar as atividades e resultados do referido projeto. Para tanto, caracteriza-se como pesquisa qualitativa, utilizou o método de estudo de caso e os instrumentos de entrevistas com os participantes do projeto, observação das atividades desenvolvidas, e análise documental das distintas formas de publicações e produção de documentos do grupo condutor do projeto. As ações realizadas pelo Projeto foram: atividades de entretenimento; troca de experiência e diálogo com crianças e adolescentes filhos de pecuaristas de leite da região de atuação do IFRS Campus Sertão; publicações e interação nas mídias digitais e redes sociais com temas relacionados ao campo e a bovinocultura de leite; elaboração e divulgação de materiais didáticos sobre terneiras leiteiras. Destaca-se que, a partir destas atividades, o Projeto atingiu os objetivos propostos ao influenciar positivamente o comportamento participativo, a curiosidade e o envolvimento dos distintos públicos-alvo, gerando um movimento de valorização da agricultura e bovinocultura de leite. As crianças e adolescentes sentiram-se valorizadas pelas suas especificidades de serem do campo e filhas de pecuaristas de leite.

Palavras-chave: Crianças, Desenvolvimento Rural, Sucessão Geracional, Pecuária de Leite

 

Incentive to family succession in dairy farming: experience report

Abstract: Dairy cattle farming is considered a painful activity by farmers, due to the high workload, strict schedules, complexity of the activities, and constant income fluctuation. Consequently, it is one of the most challenging agricultural activities in family succession. The Extension Project "Who will take care of the ‘Mimosas’? Family Succession in Dairy Cattle" was developed to assist in the process of rural succession, stimulating children, adolescents and young people of Sertão municipality and surroundings, in the Rio Grande do Sul State, Brazil, to appreciate the rural lifestyle and the activity of dairy cattle farming. The present work aimed to rescue and to analyze the activities and results of this project. It was characterized as qualitative research, using the case study method and the instruments of interviews with the participants, observation of the developed activities and documentary analysis of the different forms of publications and production of documents of the group who has carried out the project. The actions carried out by the Project were: entertainment activities; exchange of experience and dialogue with children and adolescents of dairy farmers in the IFRS Campus Sertão region; publications and interaction in the digital media and social networks with themes related to the rural life and the dairy cattle farming; elaboration and dissemination of didactic material on dairy calves. It is noteworthy that, based on these activities, the Project achieved the proposed objectives by positively influencing the participatory behavior, curiosity and involvement of the different target audiences, generating the valorization of agriculture and dairy cattle farming. The children and adolescents felt valued for their specificities of being from the field and daughters of milk farmers.

Keywords: Children, Rural Development, Generational Succession, Dairy Farmer

 

Estímulo a la sucesión familiar en la ganadería de leche: relato de experiencia

Resumen: La ganadería de leche es una actividad considerada penosa por los agricultores, por la elevada carga de trabajo, horarios rigurosos, complejidad de las actividades y oscilaciones constantes en la remuneración. En consecuencia, es una de las actividades agropecuarias con mayor dificultad en la sucesión familiar. El Proyecto de Extensión "¿Quién va a cuidar de las ‘Mimosas’? Sucesión Familiar en la Bovinocultura de Leche" fue desarrollado con el objetivo de auxiliar en el proceso de sucesión rural, estimulando niños, adolescentes y jóvenes del municipio de Sertão y entorno, en el Estado de Rio Grande do Sul, Brasil, a gustar del campo y de la actividad de ganadería de leche. El presente trabajo tuvo como objetivo rescatar y analizar las actividades y resultados de dicho proyecto. Para ello, se caracteriza como investigación cualitativa, utilizó el método de estudio de caso y los instrumentos de entrevistas con los participantes del proyecto, observación de las actividades desarrolladas y análisis documental de las distintas formas de publicaciones y producción de documentos del grupo conductor del proyecto. Las acciones realizadas por el Proyecto fueron: actividades de entretenimiento; intercambio de experiencia y diálogo con niños y adolescentes hijos de ganaderos de leche de la región de actuación del IFRS Campus Sertão; publicaciones e interacción en los medios digitales y redes sociales con temas relacionados con el campo y la ganadería de leche; elaboración y divulgación de materiales didácticos sobre terneras lecheras. Se destaca que, a partir de estas actividades, el Proyecto alcanzó los objetivos propuestos al influenciar positivamente el comportamiento participativo, la curiosidad y el envolvimiento de los distintos públicos destinatarios, generando un movimiento de valorización de la agricultura y ganadería de leche. Los niños y adolescentes se sintieron valorados por sus especificidades de ser del campo e hijas de ganaderos de leche.

Palabras-clave: Niños, Desarrollo Rural, Sucesión Generacional, Ganadero de Leche

Biografia do Autor

Caroline Citta Mazocco, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – Campus Sertão

Estudante de Zootecnia do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – Campus Sertão.

Graziela Corazza, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Sertão

Agrônoma, estudante de Formação Pedagógica de Docentes para Educação Básica e Profissional do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul.

Referências

ABRAMOVAY, R. Agricultura familiar e serviço público: novos desafios à extensão rural. Brasília. Cadernos de Ciência & Tecnologia, v. 15, n.1, p.132-152, 1998.

ABRAMOVAY, R. et al. Agricultura familiar e sucessão profissional: novos desafios. In: Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural, 39, Recife, 2001. Anais... Disponível em: http://www.gp.usp.br/files/denru_ sucessao.pdf >. Acesso em: 15 mai. 2018.

ALVES, E. M. S. O trabalhador e as exigências letradas na área rural. Tese de Doutorado, Universidade de Brasília – Programa de pós-graduação em Educação, Brasília, 2013.

BATALHA, M. O.; BUAINAN, A. M.; SOUZA FILHO, H. M. de. Tecnologia de gestão e agricultura familiar. In: BATALHA, M O.; SOUZA FILHO, H. M. de (orgs.). Gestão Integrada da Agricultura Familiar. São Carlos: EdUFSCar, 2005, p. 43-66.

BONI, V.; QUARESMA, S. J. Aprendendo a entrevistar: como fazer entrevistas em Ciências Sociais. Em Tese, v. 2, n. 1, p. 68-80, 2005.

BRANSKI, R. M.; FRANCO, R. A. C.; LIMA JR., O. F. Metodologia de estudo de casos aplicada à logística. In: ANPET - Congresso de Pesquisa e Ensino em Transporte, 24, Salvador, Brasil. Anais... 2010. Disponível em < http://www.lalt.fec.unicamp.br/scriba/files/escrita%20portugues/ANPET%20-%20METODOLOGIA%20DE%20 ESTUDO%20DE%20CASO%20-%20COM%20AUTORIA%20-%20VF%2023-10.pdf >

BREITENBACH, R. Participação econômica das atividades de subsistência na agricultura familiar. Redes, v. 23, n. 1, p. 53-68, 2018.

BREITENBACH, R.; CORAZZA, G. Perspectiva de permanência no campo: Estudo dos jovens rurais de Alto Alegre, Rio Grande do Sul/Brasil. Revista Espacios, v. 38, n. 29, p. 9, 2017.

BRUMER, A.; ANJOS, G. dos. Gênero e reprodução social na agricultura familiar. Revista Nera, ano 11, n. 12, 2008.

CARNEIRO, M. J. O ideal rurbano: campo e cidade no imaginário dos jovens rurais. In: TEIXEIRA DA SILVA, F.C.; SANTOS, R.; COSTA, L.F.C. Mundo Rural e Política. Rio de Janeiro: Campus/PRONEX, 1998.

CAVICCHIOLI, D. et al. What Factors Encourage Intrafamily Farm Succession in Mountain Areas? Mountain Research and Development, v. 35, n. 2, p. 152–160, 2015.

CORAZZA, G. et al. Panorama da produção leiteira no distrito de Santa Lúcia – Alto Alegre/RS. Mostra de trabalhos científicos do Simpósio do Leite, Erechim, n. 5, 2016. CD-ROM.

CORREIA, M da C. B. A observação participante enquanto técnica de investigação. Pensar Enfermagem, v. 13, n. 2, 2009.

DIEESE – Departamento Intersindical de Estatística e Estudo Socioeconômicos. O mercado de trabalho assalariado rural brasileiro. Estudos e Pesquisas, n. 74, São Paulo, 2014.

FERRARI, D. L. et al. Dilemas e estratégias dos jovens rurais: ficar ou partir? Estudos Sociedade e Agricultura, v. 12, n. 2, p. 237-271, 2004.

GOMES, I. Sustentabilidade social e ambiental na agricultura familiar. Revista de Biologia e Ciências da Terra, v. 5, n. 1, p. 16-19, 2004.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. EPU - Editora Pedagógica e Universitária: São Paulo, 1986.

MAGALHÃES, R. S. A “masculinização” da produção de leite. Revista de Econonomia e Sociologia Rural, v. 47, n. 1, 2009.

MENDONÇA, K. F. C.; RIBEIRO, Á. E. M.; GALIZONI, F. M. Sucessão na agricultura familiar: estudo de caso sobre o destino dos jovens do alto Jequitinhonha, MG. In: Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 16, Caxambu-MG, Brasil, 2008, Anais... S. l.: ABEP, 2008.

MENEZES, I. G. de. Valorização do rural versus valorização do camponês: desenvolvimento, trabalho e cidadania. Temática, v. 4, p. 1-10, 2008.

NETO, B. S.; BASSO, D. A produção de leite como estratégia de desenvolvimento para o Rio Grande do Sul. Desenvolvimento em Questão, ano 3, n. 5, p. 53-72, 2005.

PREDIGER, S. Estado da Arte da Situação do Jovem Rural: a construção de identidades. Revista Anagrama: Revista Científica Interdisciplinar da Graduação. Ano 3 - ed. 1, São Paulo/SP, 2009.

REDIN, E. O Jovem rural conquistando o seu espaço: um [re]olhar sobre as questões sociais. Revista Brasileira de Agroecologia, v.4, n. 2, p. 3768-3771, 2009.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. ed. São Paulo: Atlas, 1999.

SILI, M.; FACHELLI, S.; MEILLER, A. Juventud Rural: factores que influyen en el desarrollo de la actividad agropecuária. Reflexiones sobre el caso argentino. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 54, n. 4, p. 635-652, 2016.

SILVEIRA, D. T.; CÓRDOVA, F. P. A pesquisa científica. In: GERHARDT, T. E.; SILVEIRA, D. T. (Org.). Métodos de pesquisa, Porto Alegre: UFRGS, 2009.

SPANEVELLO, R. M. A situação das filhas na transmissão do patrimônio na agricultura familiar. Seminário Internacional Fazendo Gênero, 8 (Corpo, Violência e Poder), Florianópolis, 2008. Anais... Florianópolis: UFSC, 2008. Disponível em: < http://www.fazendogenero.ufsc.br/8/sts/ST3/Rosani_Marisa_Spanevello_03.pdf >

TRICHES, E. Importância da atividade leiteira na agricultura familiar e uma análise na propriedade Ghion – Marau – RS. Trabalho de Conclusão do Curso de Graduação Tecnológica em Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2011.

TROIAN, A., BREITENBACH, R. A Questão da Juventude na contemporaneidade: Estudo dos Projetos de Vida em Arroio do Tigre/RS. Desenvolvimento em Questão, v. 16, n. 44, p. 260-284, 2018.

YIN, R. K. Case study research, design and methods (applied social research methods). Thousand Oaks. California: Sage Publications, 2009.

Publicado
30-04-2019
Como Citar
BREITENBACH, R.; MAZOCCO, C.; CORAZZA, G. ESTÍMULO À SUCESSÃO FAMILIAR NA BOVINOCULTURA DE LEITE: RELATO DE EXPERIÊNCIA. REVISTA BRASILEIRA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA, v. 10, n. 1, p. 25-33, 30 abr. 2019.
Seção
Artigos