"DESBRAVANDO" E TRANSFORMANDO: AS ALTERAÇÕES AMBIENTAIS NO OESTE CATARINENSE, NAS DÉCADAS DE 1970 E 1980 (PARTE II)

  • Michely Cristina Ribeiro Universidade Federal da Fronteira Sul Campus Chapecó
  • Samira Peruchi Moretto

Resumo

O Estado de Santa Catarina passou por diversas transformações ambientais, em sua maioria, provocados pela antropização da paisagem. O desmatamento foi intensificado na primeira metade do século XX, após o processo de ocupação da região e em função das atividades madeireiras. A Mata de Araucária correspondia, no início do referido século, a 42,5% da vegetação do estado. Hoje, os remanescentes correspondem a 0,7% da mata original. Com o desmatamento houve uma redução do volume madeirável, e outras atividades econômicas, como agropecuária e monoculturas de árvores exóticas, se intensificaram. O objetivo desta fase do projeto será investigar o processo histórico da transformação ambiental no Oeste do Estado, nas décadas de 1970 e 1980. Na década de 1960 foi criado o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal (IBDF) e promulgado o Código Florestal em 1965, que atuaram de forma intensa na região, analisados na primeira fase deste projeto. Tanto o IBDF, quando o Código de 1965, foram agentes das transformações na região. Somente com a promulgação da Constituição Federal de 1988 é que a mata atlântica passa a ser considerada patrimônio nacional, havendo, de certa maneira, maior controle nas ações sobre o meio ambiente. Para atingir os objetivos propostos utilizaremos como fontes: relatórios de governo, censos demográficos, os periódicos regionais e estaduais e a legislação federal. Visa-se, portanto, entender como o processo de ocupação influenciou o processo de transformação da paisagem, podendo auxiliar nas futuras medidas para conservação dos ecossistemas envolvidos.
Publicado
14-09-2018
Como Citar
RIBEIRO, Michely Cristina; MORETTO, Samira Peruchi. "DESBRAVANDO" E TRANSFORMANDO: AS ALTERAÇÕES AMBIENTAIS NO OESTE CATARINENSE, NAS DÉCADAS DE 1970 E 1980 (PARTE II). JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, [S.l.], v. 1, n. 8, set. 2018. ISSN 2526-205X. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/JORNADA/article/view/8597>. Acesso em: 16 jan. 2019.