INTRODUÇÃO ÀS BASES DO PENSAMENTO GEOGRÁFICO BRASILEIRO

  • Darlan Fabiane agb

Resumo

A história do pensamento geográfico tem sua origem na Mesopotâmia e na Grécia. Os Mesopotâmios produziram o primeiro mapa e os Gregos desenvolveram os conceitos básicos da Cartografia. A Geografia, criada por Estrabão, adquire o Status de ciência a partir das contribuições Alemãs, passando a ser estudada de forma distinta na Alemanha, na França e nos Estados Unidos da América. A escola geográfica francesa serve de base para a Geografia produzida no Brasil, pois a criação dos primeiros cursos universitários em São Paulo e no Rio de Janeiro foi orientada por professores franceses. É na década de 1930 que a Geografia Brasileira ganha destaque com a criação dos cursos de Geografia da Universidade de São Paulo e da Universidade do Distrito Federal. Esta década também originou a criação da Associação dos Geógrafos Brasileiros, em 1934, e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 1938. O texto, produzido a partir de uma revisão bibliográfica, teve por objetivo identificar e apresentar ao leitor os acontecimentos e autores que constituem as principais bases da história do pensamento geográfico.
Publicado
30-10-2018
Como Citar
FABIANE, Darlan. INTRODUÇÃO ÀS BASES DO PENSAMENTO GEOGRÁFICO BRASILEIRO. XXXV Encontro Estadual de Geografia (EEG) 2018 - “A diversidade da Geografia e a Geografia da diversidade nas primeiras décadas do século XXI”, [S.l.], n. 35, p. 11, out. 2018. ISSN 1983-070X. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/EEG/article/view/10424>. Acesso em: 19 jan. 2019.