QUESTÃO AGRÁRIA E LUTA PELA TERRA NO CONTEXTO DO MST

  • Rose Riepe Souza UFFS - Campus Laranjeiras do Sul
  • Ana Cristina Hammel UFFS - Campus Laranjeiras do Sul
  • Vanessa Dutra UFFS - Campus Laranjeiras do Sul

Resumo

O referido escrito trata-se de uma síntese do primeiro capítulo do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do curso de Interdisciplinar em Educação do Campo – Ciências Sociais e Humanas da Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS. A pesquisa intitulada “Luta pela Terra e Prática Pedagógica: A experiência da Escola Itinerante Herdeiros do Saber”, pretende analisar a prática pedagógica desenvolvida na Escola Itinerante Herdeiros do Saber no acampamento Herdeiros da Terra de 1º de Maio, município de Rio Bonito do Iguaçu/PR no contexto de luta do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST. O presente resumo, objetiva refletir sobre a Questão Agrária no âmbito da luta pela terra do MST. Tendo em vista que, faz-se necessário compreender, primeiramente, a organização da posse e utilização da terra dada historicamente, para então analisar as ações edificadas pelo MST e a constituição de Acampamentos e Assentamentos. Para alcançar os objetivos propostos, esta sendo desenvolvida revisão bibliográfica, análise documental e diário de campo.
Publicado
15-12-2017
Como Citar
SOUZA, Rose Riepe; HAMMEL, Ana Cristina; DUTRA, Vanessa. QUESTÃO AGRÁRIA E LUTA PELA TERRA NO CONTEXTO DO MST. Congresso Internacional de Educação da UFFS LS - Território Cantuquiriguaçu, [S.l.], dez. 2017. ISSN 2595-1122. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/CANTU/article/view/6909>. Acesso em: 17 jan. 2019.