Revista Insignare Scientia - RIS https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS <p class="western" align="justify">A&nbsp;<strong>Revista Insignare Scientia - RIS</strong>&nbsp;é uma publicação do Grupo de Pesquisas em Ensino de Ciências e Matemática (GEPECIEM), vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências (PPGEC) da Universidade Federal da Fronteira Sul,&nbsp;<em>Campus</em>&nbsp;Cerro Largo –RS e tem como objetivo publicar produções de pesquisa originais, relatos de experiências, propostas didáticas, resenhas e biografias tendo como objetos de discussão o Ensino de Ciências, suas interfaces e seus desdobramentos. A área do ensino de Ciências e suas Interfaces compreende:&nbsp; a educação como ciência, o ensino como área de produção científica e suas subáreas, tais como: Educação Ambiental,&nbsp; Educação em Saúde, Ensino de Astronomia, Educação matemática, Ensino de Biologia, Ensino de Física, Ensino de Geociências e o Ensino de Química, bem como desdobramentos e interfaces com temáticas da área como: Epistemologia, História e Filosofia da Ciência, Currículo, Metodologias do Ensino, Linguagem, Educação Inclusiva, Avaliação, Tecnologias da Informação e Comunicação, Conceitos Científicos, Diferenças, Gênero, entre outros.&nbsp; Os artigos devem enfocar área, subáreas ou temáticas que tenham forte ligação com o escopo da revista e apresentem contribuições para o Ensino em Ciências claramente explicitadas. Qualquer manuscrito que se relacione a alguma das subáreas supracitadas (mas não à área de ensino das mesmas), assim como a aspectos gerais de educação ou a outras áreas (sem relacionamento ou implicação clara para a área de Ensino em Ciências) não será encaminhado para avaliação.&nbsp;<strong>Sua publicação será quadrimestral,</strong>&nbsp;voltada para a pesquisa, experiências, propostas didáticas e resenhas na área de ensino de Ciências e suas Interfaces.&nbsp;</p> pt-BR rosangela.uhmann@uffs.edu.br (Rosangela Inês Matos Uhmann) franciele.cruz@uffs.edu.br (Franciele Scaglioni da Cruz) Qui, 23 Jun 2022 13:18:11 -0300 OJS 3.1.1.4 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 Editorial: 40º EDEQ https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12984 <p><em>A Pesquisa no Ensino de Química visto a partir do 40º Encontro de Debates sobre o Ensino de Química – 40º EDEQ</em></p> <p>É com grande satisfação que anunciamos o presente Dossiê, organizado com trabalhos apresentados durante o 40º EDEQ, realizado de 25 a 29 de outubro de 2021, que teve por tema central: <em>Como formar professores de química para demandas sociais, oficiais e tecnológicas da contemporaneidade brasileira. </em></p> <p>Sobre o foco da docência e da pesquisa em ensino de Química, esse evento é o mais longevo no Brasil, sendo que a primeira edição foi realizada em 6 de dezembro de 1980, na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS. A partir da primeira edição, o EDEQ tem peregrinado pelas Instituições gaúchas com periodicidade anual, com raras exceções. Nesta edição, pela primeira vez, o EDEQ foi organizado por três Instituições de Ensino Superior: Universidade de Passo Fundo – UPF; Universidade Federal da Fronteira Sul - UFFS; e Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul – PUCRS. Esta edição foi realizada na modalidade remota, em função da pandemia do COVID-19.</p> <p>Este dossiê é constituído por 28 artigos, em cada um dos seguintes focos de pesquisa:</p> <p><strong>Práticas Pedagógicas:</strong></p> <p>1 Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP): uma possibilidade de formação no curso de Licenciatura em Química;</p> <p>2 Histórias em Quadrinhos como Estratégia Didática para o Ensino de Química em Tempos de Pandemia;</p> <p>3 A relevância dos óleos essenciais no organismo humano: um projeto de pesquisa na aula de Química;</p> <p>4 O Estudo de Caso no Ensino de Química: um panorama das pesquisas na área;</p> <p>5 Caminhada Ecológica: potencialidades para uma abordagem crítica da Educação;</p> <p>6 A utilização de experimentos químicos em peças de teatro científico no evento Ciência em Cena;</p> <p>7 Uma Proposta de Ensino de Química com a Temática Covid-19 e Medicamentos;</p> <p>8 Metodologia Dicumba como recurso à Aprendizagem Significativa.</p> <p><strong>Inclusão E Gênero:</strong></p> <p>1 Inclusão no Ensino de Química nas Reuniões Anuais da Sociedade Brasileira de Química (SBQ) (2015-2020);</p> <p>2 Aprendizagem e Inclusão na utilização do jogo Gartic no Ensino de Química;</p> <p>3 Mulheres Cientistas e o Ensino de Ciências Naturais: um panorama das publicações do ENEQ e ENPEC.</p> <p><strong>Formação de Professores e Programas de Iniciação à Docência:</strong></p> <p>1 Possibilidades para o ensino de Ciências da Natureza na Educação Infantil: uma experiência vivenciada no Curso Normal;</p> <p>2 Diferentes Culturas e Gênero na Ciência: Discussões para a Formação de Professores;</p> <p>3 As motivações e memórias dos licenciandos do curso de Licenciatura em Ciências da Natureza no IFRS - <em>Campus</em> Porto Alegre;</p> <p>4 Investigando a Pedagogia Universitária: revisão de sequências didáticas e práticas pedagógicas em periódicos nacionais da área de Educação em Ciências;</p> <p>5 Estágios supervisionados de observação remota: contribuições e desafios para a formação inicial dos professores de Química ;</p> <p>6 A divulgação científica no Ensino de Ciências e a Formação de Professores: a solução pode ser a BNCC?</p> <p>7 Momentos de interlocução e aprendizagem entre pares: formação de professores em tempos de pandemia;</p> <p>8 O Estágio Supervisionado no Ensino Remoto: uma abordagem interdisciplinar da Química Forense;</p> <p>9 Possibilidades de interações para o ensino remoto de química: um relato de experiência de bolsistas do Pibid.</p> <p><strong>Currículo e Políticas:</strong></p> <p>1 O ensino da tabela periódica na Educação Básica e nas Escolas do/no Campo;</p> <p>2 Políticas de currículo e as parcerias público-privadas: o movimento pela BNCC e os efeitos para o ensino de Ciências/Química;</p> <p>3 O enfoque CTS em livros didáticos brasileiros e em manuais escolares portugueses: uma revisão das publicações em eventos do Ensino de Ciências e Química;</p> <p><strong>Tecnologias de Informação e Comunicação:</strong></p> <p>1 Produção de um <em>vlog</em> como experiência de divulgação científica em uma proposta de curricularização da extensão: um olhar para a sistematização das transformações gasosas;</p> <p>2 WebQuest e o ensino da Química Analítica: possibilidades de aprendizagens;</p> <p>3 Modos de Pensar e Formas de Falar de Jogadores sobre os Conceitos de Energia, Substância e Vida em Videogames;</p> <p>4 TICs e formação de <em>professorxs</em>: uma proposta de revisão bibliográfica dos anais dos EDEQs;</p> <p>5 A utilização de atividades gamificadas e da Ciência Forense como metodologias ativas para o Ensino de Química durante o Ensino Remoto.</p> <p>&nbsp;</p> <p>Esperamos que a leitura dos artigos contribua para a formação continuada dos leitores e para a melhoria do ensino de Química nos vários níveis de ensino, nas Instituições gaúchas e brasileiras.</p> <p><em>Ademar Antonio Lauxen</em></p> <p>Universidade de Passo Fundo – UPF</p> <p><em>Fabiane de Andrade Leite</em></p> <p>Universidade Federal da Fronteira Sul – UFFS</p> <p><em>Maurivan Güntzel Ramos</em></p> <p>Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul –PUCRS</p> Ademar Antonio Lauxen, Fabiane de Andrade Leite, Maurivan Güntzel Ramos ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12984 Qui, 23 Jun 2022 00:00:00 -0300 Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP): uma possibilidade de formação no curso de Licenciatura em Química https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12986 <p>Os docentes precisam estar capacitados para o uso de metodologias e estratégias mais dinâmicas. O estudo das metodologias ativas, sobretudo na ótica da Aprendizagem Baseada em Projetos (ABP) possui essa proposta, dar autonomia aos estudantes. Com isso, desenvolvemos um projeto de ensino voltado aos estudantes do curso de Licenciatura em Química do IFG - Câmpus Uruaçu, com o objetivo de prepará-los melhor para o uso das metodologias ativas. O projeto foi desenvolvido a partir da apresentação da ABP e ABF. Ao final, cada grupo apresentou um projeto para o uso da ABP no ensino de química. De forma geral, os licenciandos conseguiram apresentar problemas com impactos sociais, econômicos e científicos, no entanto, tiveram dificuldades na contextualização dos problemas e as estratégias de resolução do projeto não propunham muita autonomia aos estudantes. Apontando a necessidade de ter mais formações no uso de metodologias ativas.&nbsp;</p> Alécia Maria Gonçalves, Fabiana Gomes ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12986 Qui, 23 Jun 2022 12:37:22 -0300 Inclusão no Ensino de Química nas Reuniões Anuais da Sociedade Brasileira de Química (SBQ) (2015-2020) https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12988 <p class="Default" style="text-align: justify;">O presente trabalho buscou realizar um estudo acerca da inclusão no Ensino de Química, no contexto da educação especial, junto às Reuniões Anuais da Sociedade Brasileira de Química, nos anos de 2015 a 2020. Assume-se como importante, junto à Sociedade Brasileira de Química, identificar se as produções apresentadas nas Reuniões Anuais possuem relação com a décima e décima sexta estratégias da meta quatro do Plano Nacional de Educação. A pesquisa foi do tipo bibliográfica e de análise qualitativa das informações. Foram selecionados dez trabalhos, que representam menos do que 2,1% de todas as publicações das Reuniões Anuais da Sociedade Brasileira de Química no período definido. Isso auxilia a argumentar sobre a necessidade de a comunidade da área de Ensino de Química investir em pesquisas, relatos de experiências e processos formativos balizados pelas prerrogativas da inclusão.</p> Alejandro Javier Alegre Reyes, André de Azambuja Maraschin, Renata Hernandez Lindemann ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12988 Qui, 23 Jun 2022 12:38:05 -0300 Possibilidades para o ensino de Ciências da Natureza na Educação Infantil: uma experiência vivenciada no Curso Normal https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12989 <p class="Default" style="text-align: justify;">A formação de professores no Curso Normal visa habilitar profissionais éticos, pesquisadores e reflexivos, combinando aulas teóricas e práticas no ambiente de atuação do docente. Diante da lacuna observada, na área das Ciências da Natureza, quando se trata de objetos de conhecimento da Física e da Química na Educação Infantil e Anos Iniciais do Ensino Fundamental, considera-se imprescindível aprimorar a formação de professores do Curso Normal, tendo em vista que tais profissionais atuarão com os alunos das referidas etapas. Nesse sentido, o presente artigo busca socializar experiências realizadas no componente curricular Didática das Ciências da Natureza, a partir de atividades desenvolvidas com alunos de uma turma de segundo ano do Curso Normal de uma escola pública. Os alunos foram desafiados a organizarem experimentos para abordar conceitos das Ciências da Natureza na Educação Infantil, em formato de “Feirinha de Ciências”, online, visualizando formas de explorar Física e Química com as crianças. Como resultado, foram desenvolvidos vídeos com os experimentos e planos de aula abordando os conceitos em questão.</p> Ana Laura Ortolan Corioni, Jane Herber, Vanessa Brandão de Vargas, Eniz Conceição Oliveira ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12989 Qui, 23 Jun 2022 13:07:45 -0300 Histórias em Quadrinhos como Estratégia Didática para o Ensino de Química em Tempos de Pandemia https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12990 <p>Com a pandemia de Covid-19 e o isolamento social para evitar a disseminação do novo coronavírus, os educadores tiveram que se adaptar e buscar outras formas de atrair os discentes no ensino remoto emergencial. A Química, disciplina desafiadora como é, muitas vezes torna-se restrita ao ensino teórico de fórmulas e da Tabela Periódica. Diante desse cenário, a utilização de tecnologias aliadas a estratégias didáticas inovadoras, oportuniza apresentar os conceitos químicos aos estudantes de maneira mais amigável e prazerosa, atenuando os prejuízos causados pelo afastamento entre o professor e os estudantes. As Histórias em Quadrinhos configuram um relevante recurso pedagógico no processo ensino-aprendizagem, viabilizando o entendimento de conteúdos muitas vezes considerados difíceis pelos discentes. Sendo assim, este trabalho relata uma prática exitosa realizada no âmbito do PIBID, com estudantes do Ensino Médio de uma escola estadual, utilizando Histórias em Quadrinhos que os auxiliaram a compreender os conceitos químicos dentro da realidade atual.</p> André  Papi Cardoso , Lucas Diniz Araujo, Andréa Santos Liu, Maria do Carmo de Castro ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12990 Qui, 23 Jun 2022 12:38:53 -0300 Diferentes Culturas e Gênero na Ciência: Discussões para a Formação de Professores https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12991 <p>Apresenta-se um produto educacional que discute a diversidade de gênero na Ciência, originalmente desenvolvido para o componente curricular de História e Filosofia da Ciência, do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Objetiva-se quebrar o silêncio e abrir portas ao debate sobre a diversidade em diferentes espaços, ao se discutir a diversidade de gênero nas Ciências, com a pretensão de provocar problematizações, discussões e reflexões no contexto da formação inicial e continuada de professores. Neste sentido, apresenta-se um recorte de atividades de ensino do componente curricular, uma proposta que visa desenvolver problematizações, discussões e reflexões voltadas aos professores em formação inicial e continuada. A intenção não é a de encerrar o debate, mas mobilizar e gerar provocações sobre a temática.</p> Andressa Soares Bento , Fábio   André Sangiogo ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12991 Qui, 23 Jun 2022 00:00:00 -0300 A relevância dos óleos essenciais no organismo humano: um projeto de pesquisa na aula de Química https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12992 <p>&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> <p>Este artigo relata uma atividade de pesquisa desenvolvida nas aulas de Química em uma escola privada de Ensino Médio, pensada a partir de um projeto institucional proposto no início do ano letivo de 2021. Nele, grupos de estudantes podiam escolher temas de pesquisa de acordo com seu interesse. Na turma do terceiro ano do Ensino Médio, um grupo de alunas escolheu o tema “óleos essenciais” para desenvolver o trabalho, sob orientação das professoras de Química e de Biologia. Frequentemente, foi possível associar os conceitos químicos com os tópicos pesquisados pelo grupo, sendo que as próprias integrantes identificavam a relação entre o conteúdo químico estudado em aula e sua pesquisa. Após a elaboração da pesquisa teórica, houve a execução da parte prática, que divulgou para a comunidade escolar os benefícios dos óleos essenciais. A atividade desenvolvida mostrou-se de grande valia para o desenvolvimento do protagonismo estudantil, conforme previsto na BNCC, e para a aprendizagem dos conceitos químicos.</p> Bruna Carminatti ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12992 Qui, 23 Jun 2022 00:00:00 -0300 Investigando a Pedagogia Universitária: revisão de sequências didáticas e práticas pedagógicas em periódicos nacionais da área de Educação em Ciências https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12993 <p>Este trabalho apresenta uma revisão da literatura sobre sequências didáticas e práticas pedagógicas no contexto do Ensino Superior. Foi consultado um conjunto de sete periódicos brasileiros da área de Educação em Ciências, selecionando-se os artigos com base em palavras-chave específicas. Realizou-se análise de conteúdo dos textos apropriados para a amostra, com foco investigativo direcionado aos modelos pedagógicos decorrentes das atividades descritas. Os resultados obtidos explicitam a frequência pouco significativa de artigos relacionados à temática investigada, bem como denotam a necessidade de que docentes da Educação Superior, que atuam no campo acadêmico em tela, busquem a ampliação quantitativa e a qualificação de pesquisas que enfoquem suas experiências de ensino, o que pode proporcionar o aperfeiçoamento destas.</p> Carlos Ventura Fonseca , Fernanda Bianca Hesse ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12993 Qui, 23 Jun 2022 12:41:59 -0300 As motivações e memórias dos licenciandos do curso de Licenciatura em Ciências da Natureza no IFRS - Campus Porto Alegre   https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12994 <p>&nbsp;</p> <p style="text-align: justify; text-indent: -.1pt; margin: 0cm 0cm 0cm -.1pt;"><span style="color: black;">Este trabalho apresenta resultados da pesquisa “Perfil, memórias e identidades nas profissões da área de Química e Ciências”, cujo objetivo foi compreender identidades profissionais que emergem dessa área de estudo e da atuação profissional. É apresentado um recorte da investigação acerca das memórias da Educação Básica dos licenciandos e suas motivações para a escolha do curso de Licenciatura em Ciências da Natureza: Biologia e Química, do Instituto Federal do Rio Grande do Sul - <em>Campus</em> Porto Alegre. Trata-se de uma pesquisa de cunho qualitativo, do tipo estudo de caso, cujo instrumento de levantamento de dados foi um questionário enviado por formulário eletrônico aos participantes. Os resultados permitem descrever o perfil do licenciando e indicam a importância de suas vivências ao longo de sua escolarização nas disciplinas da área, reiterando a influência de professores em suas vidas para a escolha profissional. Identifica-se que mesmo os percalços vivenciados na Educação Básica, tal como a falta de professores ou de estruturas de laboratórios, não causaram desencanto sobre os estudantes na escolha pela área, mas, ao contrário, os motivaram a atuar como professores para qualificar o ensino nessa área de saber. Os resultados levaram à criação de estratégias de permanência e êxito dos licenciandos.</span></p> Carolina Adriana Cidade , Andréia Modrzejewski Zucolotto ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12994 Qui, 23 Jun 2022 12:44:13 -0300 O ensino da tabela periódica na Educação Básica e nas Escolas do/no Campo https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12995 <p>Este trabalho é um recorte de uma pesquisa mais ampla desenvolvida no Curso de Educação do Campo – Licenciatura com ênfase em Ciências da Natureza. O objetivo do trabalho é mostrar como estão apresentados os conceitos de Tabela Periódica na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) em comparação com a matriz curricular de duas Escolas do/no Campo do município de Dom Pedrito/RS. A abordagem metodológica é qualitativa, quanto aos objetivos está se caracteriza como exploratória e descrita. Enquanto resultado, observamos que os conceitos de Tabela Periódica não aparecem, explicitamente, na BNCC. Porém, este conteúdo está sinalizado nos currículos escolares, para ser desenvolvido no nono ano. Com este estudo podemos considerar que as orientações da BNCC servem de apoio para a construção e organização curricular das escolas, permitindo a autonomia destas instituições. Além disto, é preciso promover um estudo contextualizado que atenda às demandas da contemporaneidade.</p> Cledir Paz Lopes , Denise da Silva, Maritza Costa Moraes  ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12995 Qui, 23 Jun 2022 13:11:32 -0300 Mulheres Cientistas e o Ensino de Ciências Naturais: um panorama das publicações do ENEQ e ENPEC https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12996 <p>&nbsp;</p> <p><strong>&nbsp;</strong></p> <p>A participação feminina nas Ciências e nas carreiras científicas tem sido tema de pesquisas na área de Ensino de Ciências. Portanto, este trabalho tem como objetivo compreender como a temática, mulheres nas Ciências Naturais, tem sido abordada nos trabalhos publicados no Encontro Nacional de Ensino de Química e no Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências. A pesquisa bibliográfica foi de cunho qualitativo e foram selecionados trinta e quatro trabalhos. Esses foram analisados com base na Análise de Conteúdo e foram elencadas quatro categorias: <em>Pesquisas teóricas</em>; <em>Visão docente e discente sobre as mulheres nas Ciências</em>; <em>Mulheres e Ciências </em>e <em>Atividades e ações que (in)visibilizam a mulher nas Ciências</em>. Os resultados demonstraram que o número de trabalhos nessa temática aumentou ao longo das edições de cada evento, evidenciando a sua importância e ressaltando que ela tem sido pesquisada em diferentes vertentes.&nbsp; Os trabalhos também evidenciaram que essa temática precisa ser discutida no âmbito escolar e na formação de professores, visando desconstruir visões preconceituosas que historicamente determinaram o papel na sociedade de homens e mulheres e promover uma maior equidade social.</p> Diana Stefanny Santos Amaral, Jeane Cristina Gomes Rotta ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12996 Qui, 23 Jun 2022 12:50:55 -0300 Políticas de currículo e as parcerias público-privadas: o movimento pela BNCC e os efeitos para o ensino de Ciências/Química https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12997 <p class="Default" style="text-align: justify;"><span style="color: windowtext;">O empresariamento na Educação Básica tem sido observado pela presença de relações entre os setores público-privados na educação, em diferentes níveis. De abordagem qualitativa, com análise de redes sociais pelo método da etnografia de rede, o presente trabalho visou analisar o papel da Fundação Lemann na educação, especificamente, em Ciências/Química, a partir do mapeamento de redes de governança pelo Movimento pela Base Nacional Comum. A pesquisa mostra que a Fundação Lemann, junto a um de seus braços, a Khan Academy, desenvolvem ações para proposições curriculares e para produção de videoaulas a diferentes áreas de conhecimento, estando entre essas, a área de Ciências/Química. As proposições curriculares, na forma de “listagem de conteúdos”, e as videoaulas, alocadas na plataforma do Youtube, são produzidas para atender o prescrito pela BNCC, possuindo um formato pautado no ensino tradicional/linear e conteudista, sem relações com outras disciplinas da própria área, bem como de áreas afins, em desacordo com o propósito inovador anunciado na plataforma da Khan Academy ou pelos grupos que compõem a rede do MBNC. </span></p> <p class="Default"><span style="color: windowtext;">&nbsp;</span></p> Eliezer Alves Martins, Maira Ferreira ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12997 Qui, 23 Jun 2022 12:51:37 -0300 Aprendizagem e Inclusão na utilização do jogo Gartic no Ensino de Química. https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12998 <p class="Default" style="text-align: justify;">Este trabalho relata uma experiência em sala de aula proposta pelos próprios estudantes durante o estudo das Funções Orgânicas no Ensino Médio, o qual consiste a utilização de um jogo de adivinhações, em que um jogador ilustra a palavra proposta pelo programa e os demais devem tentar adivinhar o nome do desenho. É uma divertida brincadeira que contribui significativamente para a memorização dos grupos funcionais e de nomenclatura de compostos orgânicos, bem como para demais substâncias da química. O programa permite criar salas temáticas e selecionar os jogadores por meio de um link. Assim, a competição ocorreu com todos os estudantes do terceiro ano do ensino médio, inclusive com a participação de um aluno diagnosticado com transtorno do espectro autista, que conseguiu acompanhar e ter um bom desempenho durante o jogo. Essa atividade, além de proporcionar a integração entre todos os estudantes, também oportunizou a inclusão e aprendizagem de forma divertida.</p> <p>&nbsp;</p> Fabiane Malakowski de Almeida Wentz ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12998 Qui, 23 Jun 2022 12:52:23 -0300 O Estudo de Caso no Ensino de Química: um panorama das pesquisas na área https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12999 <p class="Default" style="margin-bottom: 12.0pt; text-align: justify;">O Estudo de Caso (EC) é uma metodologia de ensino centrada no estudante, o qual tem a oportunidade de desenvolver ativamente a sua aprendizagem. Por meio de um caso, que é uma história real ou fictícia da vida cotidiana, o aluno é solicitado a resolver um dilema e, portanto, espera-se que desenvolva habilidades superiores, como pensamento crítico, comunicação, resolução de problemas e trabalho colaborativo. Por meio desta revisão da literatura, foi possível analisar pesquisas sobre a metodologia de EC na área de Ensino de Química na última década em relação aos objetivos, principais resultados e percepções dos sujeitos envolvidos. Foram avaliados 42 artigos, a maioria com foco no ensino superior e abrangendo diversas áreas da Química com ênfase em Química Geral. Os resultados indicam que o método EC pode ser eficaz no desenvolvimento conceitual e atitudinal dos estudantes. Em relação às percepções dos sujeitos envolvidos, embora alguns professores se mostrem resistentes, a maioria dos estudantes aprova o uso do EC nas aulas.</p> Flávia Maggioni Bernardi, Maurícius Selvero Pazinato ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/12999 Qui, 23 Jun 2022 12:53:36 -0300 Possibilidades de interações para o ensino remoto de química: um relato de experiência de bolsistas do Pibid https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13000 <p>O presente trabalho visa apresentar um relato de experiência sobre o uso dos recursos digitais Google Meet, Kahoot e Pear Deck para mediação do processo de aprendizagem nos momentos síncronos. O objetivo é apontar as potencialidades pedagógicas desses recursos para o ensino remoto de química sob a ótica dos bolsistas do Pibid do curso de licenciatura em química, do Instituto Federal de Goiás, campus Uruaçu. Neste estudo, foi possível identificar que esses recursos utilizados nas aulas síncronas são potentes instrumentos para o ensino de química, pois são flexíveis em relação ao conteúdo científico abordado e permitem momentos de interação entre alunos e professor. Contudo, percebemos que os recursos digitais devem ser aplicados de forma comedida para não sobrecarregar os estudantes e, consequentemente, os desmotivar.</p> <p>&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> Isadora Lima Bastos, Jéssica Alves dos Santos, Mateus de Paula Alves Fidélis, Thamara Brenda Peixoto Lobo, Nilma Silvania Izarias, Fabiana Gomes ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13000 Qui, 23 Jun 2022 12:54:26 -0300 Produção de um vlog como experiência de divulgação científica em uma proposta de curricularização da extensão: um olhar para a sistematização das transformações gasosas https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13001 <p>Este trabalho articulou a produção de um vlog, como experiência de divulgação científica, inserida em uma proposta de curricularização da extensão, na disciplina de FísicoQuímica I do curso de Licenciatura em Química da Universidade de Passo Fundo. O objetivo desta produção consistiu em verificar a contribuição desta dinâmica no processo de formação inicial docente, bem como contribuir com a divulgação científica. Pode-se concluir que a divulgação científica como proposta de curricularização da extensão contribuiu no sentido de auxiliar na sistematização do conhecimento por parte do licenciando, promover a (re) democratização do conhecimento ao compartilhar com a comunidade o conhecimento que foi construído por meio do vlog e mobilizar formação para uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs).</p> João Victor Casagrande, Ana Paula Härter Vaniel ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13001 Qui, 23 Jun 2022 12:55:13 -0300 WebQuest e o ensino da química analítica: possibilidades de aprendizagens https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13002 <p>Neste artigo é apresentada a utilização de uma WebQuest no ensino da Química Analítica com o objetivo de discutir as contribuições relacionadas às aprendizagens e a formação de conceitos. A WebQuest ora proposta, surgiu na disciplina de Estágio III do curso de Licenciatura em Química do Instituto Federal de Goiás, IFG, campus Uruaçu e foi aplicada com alunos do Curso Técnico em Química, excepcionalmente ofertada em sistema remoto. As informações obtidas por meio dos dados apontam que a WebQuest contribuiu para a compreensão dos conteúdos de química analítica, em especial às marchas analíticas, a partir do desenvolvimento do pensamento crítico e de uma formação mais cooperativa, participativa e autônoma.</p> Karolynne Marques Ferreira, Fabiana Gomes, Laudelina Braga ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13002 Qui, 23 Jun 2022 12:56:07 -0300 Modos de Pensar e Formas de Falar de Jogadores sobre os Conceitos de Energia, Substância e Vida em Videogames https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13003 <p>O presente trabalho tem como objetivo analisar a emergência das zonas dos perfis conceituais de Energia, Substância e Vida em imagens e em vídeos de jogos de videogame clássicos, que foram apresentados a dois gamers, um licenciando em Química e um professor universitário da área de Ensino de Química, de instituições diferentes. A partir de entrevista semiestruturada com os participantes, buscamos analisar a emergência dos modos de pensar sobre tais conceitos, a partir de suas formas de falar, quando colocados em situações específicas dos jogos, a partir das imagens e dos vídeos. Nas análises, buscamos associar as formas de falar com os modos de pensar que são característicos das zonas de cada um dos perfis conceituais considerados. Percebermos a emergência de várias zonas dos perfis, associados a cada um dos contextos apresentados, em situações dos jogos, levando em consideração o valor pragmático de cada modo de pensar. Ainda, consideramos a proposta como uma possibilidade de ampliar a compreensão sobre conceitos fundamentais na Ciência, em situações fora das salas de aula, ampliando os direcionamentos para o programa de pesquisa em perfis conceituais.</p> Leandro José Barbosa, José Euzebio Simões Neto ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13003 Qui, 23 Jun 2022 12:56:50 -0300 Estágios supervisionados de observação remota: contribuições e desafios para a formação inicial dos professores de Química https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13004 <p>Os estágios supervisionados são fundamentais na formação do licenciando, pois oportunizam, na formação inicial, o reconhecimento da complexidade da ação docente no campo prático. No entanto, diante da necessidade do isolamento social, provocado pela Covid-19, a aproximação com o ambiente escolar ficou restrita, exigindo uma ressignificação dos processos de estágios. A presente pesquisa apresenta uma proposta de desenvolvimento dos estágios de observação de forma remota, indicando, ao longo do processo, os desafios enfrentados e identificados pelos licenciandos, bem como as contribuições para a formação inicial de um grupo de estudantes de um curso de licenciatura em química. Assim, a pesquisa discute: quais critérios podemos identificar em um processo de observação de aulas remotas, que efetivamente contribuem com a formação docente? Por meio da análise textual discursiva (ATD), identificamos as categorias que contribuíram para o processo de observação e reflexão sobre a prática, no qual identificou-se a necessidade de assumirmos as categorias indicadas na pesquisa como referências para a reflexão na prática e sobre a prática docente. </p> Lisandra Catalan do Amaral ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13004 Qui, 23 Jun 2022 12:57:30 -0300 A divulgação científica no Ensino de Ciências e a Formação de Professores: a solução pode ser a BNCC? https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13005 <p>No contexto pandêmico a Divulgação Científica (DC) delineia-se como uma aliada da população, especialmente quando busca informações sobre o processo de vacinação. Diante desse cenário, percebe-se que a mesma possui um papel importante na sociedade, e nesse caso é válido destacar que de acordo com pesquisas recentes, os brasileiros pouco se interessam/envolvem com as políticas públicas voltadas para a Ciência e acreditam que aprender Ciências é muito complexo/difícil. Nesse sentido, o presente artigo tem como objetivo analisar como a reformulação proposta para a Educação Básica, através da implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aborda a temática da DC no âmbito do Ensino de Ciências. Para tanto, desenvolvemos uma investigação qualitativa com estudo documental, tendo como material empírico primário o documento da BNCC, da área de Ensino de Ciências. Por meio da análise percebemos que a DC assume zonas de discussão, mesmo que de maneira frágil, em diferentes momentos do documento, aspectos que demandarão repensarmos as dimensões inerentes ao contexto do Ensino, Fundamental, Médio e nos cursos de Formação de Professores. </p> Márcio Rodrigo Vilela Duarte, Vivian dos Santos Calixto, Fernando César Ferreira ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13005 Qui, 23 Jun 2022 12:58:16 -0300 Momentos de interlocução e aprendizagem entre pares: formação de professores em tempos de pandemia https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13006 <p>No presente texto discute-se as alterações que foram necessárias para a continuidade do desenvolvimento do Projeto de Extensão: “Saberes e Fazeres da Docência: rodas de conversa em processo formativo coletivo” em decorrência da pandemia que se iniciou em 2020, a qual requereu o distanciamento social estabelecido pelos protocolos sanitários para a não disseminação do Sars-Cov-2, vírus causador da Covid-19. As mudanças no processo de formação foram ancoradas em pesquisa realizada com docentes da Educação Básica, especialmente visando perceber as limitações e as dificultadas encontradas para desenvolver suas atividades por meio do Ensino Remoto Emergencial (ERE). Como resultado da pesquisa emergiram 4 categorias: (1) Indisponibilidade de recursos para a realização de atividades experimentais; (2) Desconexão entre o contexto dos estudantes e os conceitos a serem trabalhados/mediados; (3) A organização curricular proposta pela instituição de ensino; (4) Construção de materiais pedagógicos para o ensino de Ciências. Considerando essas categorias foram organizados seminários de formação visando enfocar os principais problemas apontados pelos professores pesquisados para a atuação no ERE, debatendo as dificuldades e limitações, bem como buscando soluções por meio do diálogo e da interação entre pares. Esse processo se mostrou produtivo e potente para ressignificar e melhorar a ação docente e o processo de ensino e aprendizagem.</p> Mayara Luza Chiapinoto, Eduarda Souza Rochembach, Janaína Chaves Ortiz, Ana Paula Härter Vaniel, Ademar Antonio Lauxen ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13006 Qui, 23 Jun 2022 12:59:02 -0300 TICs e formação de professorxs: uma proposta de revisão bibliográfica dos anais dos EDEQs https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13007 <p>A educação vem passando por transformações ao longo dos tempos. Com isso, surge a busca por metodologias diversificadas que auxiliem na construção de conhecimentos dxs discentes, ao mesmo tempo que desperte o interesse pelo ato de aprender e, por conseguinte, propor melhorias na prática de ensino dxs professorxs. Dentre os meios que podem auxiliar no processo de ensino e aprendizagem na educação química, estão as tecnologias de informação e comunicação (TICs). Assim, objetivamos neste estudo analisar a abordagem das TICs no ensino de química voltado à formação de professorxs nos trabalhos publicados no evento Encontro de Debates Sobre o Ensino de Química (EDEQ), nos períodos de 2014 a 2017. Com isso, foram encontrados trabalhos que discorrem sobre a importância dos recursos tecnológicos atrelados ao ensino e como os mesmos podem favorecer o processo de aprendizagem em química. Quanto à formação de professorxs, destaca-se a importância da qualificação docente para usufruir desses meios tecnológicos articulados à educação.</p> Mirele Cruz Alves, Rosália Felipe da Silva, Aliana Francisca da Silva, Alessandro Cury Soares ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13007 Qui, 23 Jun 2022 12:59:49 -0300 O Estágio Supervisionado no Ensino Remoto: uma abordagem interdisciplinar da Química Forense https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13008 <p>Este trabalho é resultado da intervenção pedagógica realizada no Estágio Supervisionado do Curso de Licenciatura em Química do Instituto Federal Catarinense – Campus Araquari, ocorrido nos dias 26/10, 30/10 e 03/11 de 2020, em uma turma do 2º ano do Curso Técnico em Química Integrado ao Ensino Médio, nas disciplinas de Biologia, Química Inorgânica e Orgânica, por meio do ensino remoto e numa abordagem interdisciplinar. Teve como objetivo apresentar e analisar os dados coletados numa oficina didática sobre Química Forense (QF), por meio de estudo de caso. Um olhar mais global revelou que mesmo que a intervenção pedagógica tenha sido desenvolvida de forma remota, impossibilitando algumas atividades e estratégias, que exigiam a interação entre os alunos, no entanto as discussões virtuais foram profícuas, indicando que de alguma forma houve avanços tanto nas aprendizagens quanto no envolvimento com as proposições avaliativas.</p> Nayara Stanski Tkaczyk, Anelise Grünfeld de Luca ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13008 Qui, 23 Jun 2022 13:00:32 -0300 A utilização de atividades gamificadas e da Ciência Forense como metodologias ativas para o Ensino de Química durante o Ensino Remoto https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13009 <p>No cenário pandêmico vivenciado, instituições de ensino precisaram transpor o ensino presencial para o remoto, o que provocou novos pensamentos e propostas para subsidiar o ensino e aprendizagem de Química. Por isso, a fim de tornar esse ensino um pouco menos cansativo, este trabalho mostra a elaboração e a aplicação de jogos digitais dentro de uma sequência didática, utilizando ferramentas de ensino motivadoras para aprendizagem e discussão dos conceitos de Química contextualizados à Química Forense. A proposta metodológica envolveu sessenta alunos da 2ª série do Ensino Médio do Colégio Universitário Geraldo Reis (Coluni-UFF) e a contribuição pedagógica foi analisada por meio de questionários. Esses jogos, elaborados nos moldes do Ensino Remoto, objetivavam revisar, fixar e consolidar o conhecimento adquirido ao longo do 1º Trimestre do ano de 2021. Os resultados evidenciaram a importância e a necessidade de se adotarem diferentes metodologias ativas para uma aprendizagem mais significativa em Ciências, como o desenvolvimento de jogos, já que esses se mostraram bastante eficazes na construção de um conhecimento químico mais abrangente, sólido e significativo, além de terem estimulado o raciocínio lógico do educando, a participação ativa nas atividades propostas e o interesse em aprender mais a Química.</p> Rayanne Cristina da Silva Santos, Marcelo Monteiro Marques ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13009 Qui, 23 Jun 2022 13:01:17 -0300 Caminhada Ecológica: potencialidades para uma abordagem crítica da Educação Ambiental na Educação Básica https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13011 <p>A presente escrita expõe uma pesquisa que envolveu a temática Educação Ambiental, por meio de um projeto escolar intitulado de Caminhada Ecológica. O projeto foi organizado, em 2019, por professores de uma escola da rede pública de ensino no interior de Mato Grosso do Sul. A intenção desta pesquisa foi analisar os argumentos dos estudantes após a realização da atividade e compreender como analisam o cenário vislumbrado durante da caminhada. Como resultado, foi possível perceber que a necessidade de discussões com viés da educação ambiental crítica, pois não houve discussões acerca do ambiente visitado. Ao final, realizamos apontamentos da caminhada ecológico em um cenário pós-pandêmico. Como considerações, apontamos a necessidade de discussões acerca de problemáticas ambientais, de âmbito local, que contextualizem o cotidiano do aluno, para que possa ser criado um ambiente de discussões e formação de opinião.</p> Regiane Matos de Lunas, Ademir de Souza Pereira ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13011 Qui, 23 Jun 2022 13:01:57 -0300 A utilização de experimentos químicos em peças de teatro científico no evento Ciência em Cena https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13012 <p>O teatro científico é a interação entre a Ciência e a Arte, no qual a ciência é o tema central das tramas. Diante disso, este trabalho visa identificar as peças de teatro com temáticas da Química que utilizam a experimentação como tema central das encenações apresentadas ao longo de todas as edições do evento Ciência em Cena – Festival de Teatro e Divulgação Científica. Os dados foram coletados a partir de buscadores na internet e constituíram-se de apresentações vídeo-gravadas e sinopses das peças. Posteriormente, os dados foram tabelados e identificadas as peças com temáticas relacionadas com a Química, grupos de teatros que abordam a Química, origem dos grupos e as peças que abordam a experimentação. Os dados apontam que a temática Química é a mais recorrente no evento e que a experimentação é o tema mais abordado nas peças voltadas para a Química.</p> Renan Sota Guimarães, Leila Inês Follmann Freire ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13012 Qui, 23 Jun 2022 13:03:41 -0300 O enfoque CTS em livros didáticos brasileiros e em manuais escolares portugueses: uma revisão das publicações em eventos do Ensino de Ciências e Química https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13013 <p>A temática Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS), no contexto educacional, tem como principal objetivo contribuir para uma formação cidadã crítica e reflexiva por parte dos estudantes. Nesse sentido, esta revisão objetivou investigar as publicações relacionadas à temática CTS em Livros Didáticos e Manuais Escolares de Química do Ensino Médio - Brasil, e do Ensino Secundário - Portugal, visto que este instrumento pedagógico pode deter um grande potencial em disseminar o enfoque CTS. O escopo do levantamento contempla trabalhos completos publicados nos últimos dez anos (2010 – 2019) em eventos da área do ensino de Química. Ao todo, foram encontrados nove trabalhos que se adequaram aos parâmetros dessa revisão. Os livros enquadrados nos trabalhos evidenciam casos extremos nos quais o enfoque CTS é pouco ou nada privilegiado nos livros/áreas analisadas, ou articulado de forma predominante no norteio das discussões. Entretanto, esses últimos representam uma fração mínima, considerando a totalidade dos analisados. </p> Thalles Pinto de Souza, Maykon Gonçalves Müller ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13013 Qui, 23 Jun 2022 13:04:36 -0300 Uma Proposta de Ensino de Química com a Temática Covid-19 e Medicamentos https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13014 <p>Apresenta-se uma proposta didática que visa contribuir aos educadores de Química, ao estabelecer compreensões sobre a temática “Covid-19 e Medicamentos”, inspiradas na abordagem Ciência, Tecnologia e Sociedade e nos Três Momentos Pedagógicos, com foco em discussões que permeiam o contexto de aulas de Química da educação básica. As atividades abordam a articulação entre fenômenos sociais, científicos e tecnológicos, e também, permitem trabalhar potenciais conceitos químicos articulados a problematizações e discussões que buscam a compreensão da temática examinada, os quais podem ser desenvolvidos em aulas de Química do Ensino Médio, na formação cidadã dos estudantes.</p> Théo Lahorgue Roscoff, Matheus de Lima Rufino, Jhonatas da Silva Nunes, Fábio André Sangiogo ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13014 Qui, 23 Jun 2022 13:05:23 -0300 Metodologia dicumba como recurso à aprendizagem significativa https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13015 <p>A Aprendizagem Significativa (AS), definida por David Ausubel, é um processo baseado em relações entre os conhecimentos preestabelecidos - já existentes na estrutura cognitiva do indivíduo - e os novos conhecimentos. A partir dessa ideia, este artigo tem como objetivo classificar os possíveis níveis de AS atingidos por sete alunos de um colégio estadual de Curitiba/PR, que fizeram parte de uma atividade elaborada à luz da metodologia Dicumba. A pesquisa de cunho qualitativo foi realizada em uma turma de terceiro ano do Ensino Médio, por três discentes de graduação em Química, participantes do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID). A análise dos dados ocorreu por meio do material produzido pelos alunos durante a quarta etapa da metodologia, em que os sujeitos responderam questões elaboradas pelas discentes, sendo a AS dividida em três níveis: inferior, moderado e avançado. Ao término, foi possível constatar que a maioria dos alunos atingiu, dentro dos padrões estabelecidos, uma AS moderada, isso devido a fatores externos à metodologia (como&nbsp;desinteresse e aulas de forma remota), visto que a Dicumba possui mecanismos para atuar como material potencialmente significativo e, consequentemente, desenvolver a AS.&nbsp;</p> Veronica Wosniaki Ferreira, Amanda Cristina Scheuer, Emanoelle Santana Scholze, Everton Bedin ##submission.copyrightStatement## http://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/RIS/article/view/13015 Qui, 23 Jun 2022 13:06:09 -0300