AVALIAÇÃO DO ESPECTRO DE AÇÃO DE RIZOBACTÉRIAS NO BIOCONTROLE DE DOENÇAS CAUSADAS POR FITOPATÓGENOS HABITANTES DO SOLO EM FEIJOEIRO

  • Hislley Campos Soares Bubanz Universidade Federal da Fronteira Sul Cerro Largo
  • Rodrigo Ferraz Ramos Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Juliane Ludwig Universidade Federal da Fronteira Sul

Resumo

Com o objetivo de avaliar o efeito da aplicação de rizobactérias no biocontrole da podridão radicular de rizoctônia (Rhizoctonia solani), do mofo cinzento (Macrophomina phaseolina) em feijoeiro via aplicação foliar, foram realizados bioensaios in vivo, em condições de casa de vegetação. Para tanto, foram utilizados isolados de rizobactérias pré-selecionados da rizosfera do feijão. Para avaliação do biocontrole via pulverização foliar de rizobactéroas, as aplicações ocorreram em dois momentos, preventivas (24 e 48 horas antes da presença dos fungos) e curativas (24 e 48 horas após a inoculação dos fungos), e foi obtido o índice de velocidade de crescimento do micélio (IVCM). Os resultados do IVCM através da pulverização foliar apontam que nos tratamentos preventivos e curativos do mofo cinzento, os menores valores de IVCM foram observados nos isolados RD12 e RD34. Enquanto que para podridão radicular de rizotônica nos tratamentos curativos os menores valores foram apresentados pelos isolados RD10 e SD18, e para os tratamentos preventivos feito as 24 e 48 horas, foram respectivamente RD10 e RD12
Publicado
14-09-2018
Como Citar
BUBANZ, Hislley Campos Soares; RAMOS, Rodrigo Ferraz; LUDWIG, Juliane. AVALIAÇÃO DO ESPECTRO DE AÇÃO DE RIZOBACTÉRIAS NO BIOCONTROLE DE DOENÇAS CAUSADAS POR FITOPATÓGENOS HABITANTES DO SOLO EM FEIJOEIRO. JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, [S.l.], v. 1, n. 8, set. 2018. ISSN 2526-205X. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/JORNADA/article/view/8698>. Acesso em: 16 jan. 2019.