ADAPTABILIDADE DE CULTIVARES DE FRAMBOESEIRA NO OESTE CATARINENSE

  • Adriana Lugaresi Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Alice Silva Santana Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Jean do Prado Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Luan Castagnera Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Clevison Luiz Giacobbo Universidade Federal da Fronteira Sul

Resumo

A adaptabilidade de cultivares de framboeseira (Rubus ideaus) pode ser distinta quando cultivada em diferentes regiões, mas esta é uma cultura com grande capacidade de ampliação de área cultivada, principalmente pelos benefícios dos seus frutos para a saúde. O objetivo com este trabalho foi avaliar a adaptabilidade de cultivares de framboeseira no Oeste Catarinense. Avaliou-se produtividade, sólidos solúveis, acidez titulável, antocianinas totais e flavonoides em três diferentes cultivares de framboeseira, sendo elas: Fall Gold, Indion Summer e Heritage. O experimento foi conduzido a campo na área experimental da UFFS, com nove repetições. Observou-se a dificuldade de adaptação da cultivar Indion Summer, os frutos desta cultivar não se desenvolverem de forma adequada, por isso somente os frutos das cultivares Heritage e Fall Gold foram avaliados. O teor de sólidos solúveis foi superior na cultivar Fall Gold, já o teor de antocianinas e a produtividade total foi maior na cultivar Heritage. O conteúdo de acidez titulável e flavonoides não foi significativamente diferente nas cultivares avaliadas. Sendo assim, conclui-se que a cultivar Indion Summer não é indicada para o Oeste catarinense e que em um geral, visando produtividade e qualidade de frutos, a cultivar Heritage seria uma ótima opção de cultivo na região.
Publicado
14-09-2018
Como Citar
LUGARESI, Adriana et al. ADAPTABILIDADE DE CULTIVARES DE FRAMBOESEIRA NO OESTE CATARINENSE. JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA, [S.l.], v. 1, n. 8, set. 2018. ISSN 2526-205X. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/JORNADA/article/view/8608>. Acesso em: 16 jan. 2019.