MULTIPLICADORES MIRINS - DO ROSA AO AZUL

  • Simone Cristina Dalbello da Silva Mestranda no Mestrado Interdisciplinar em Ciências Humanas pela UFFS de Erechim

Resumo

Os meses que se intitularam “outubro rosa” e “novembro azul” vêm ganhando força e “cor” no Brasil e trazem para a discussão temas sobre a saúde da mulher e saúde do homem, principalmente no que tange a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama, do colo do útero e do câncer de próstata. Pensando na educação em saúde como principal instrumento de emancipação individual e social, trabalhamos os temas referentes à saúde da mulher e do homem com diferentes faixas etárias através de palestras e eventos mais voltados para o público adulto com vistas mais informativas e o foco principal foi o trabalho realizado junto às escolas municipais com alunos do sexto ano do ensino fundamental na Cidade de Concórdia – SC, desenvolvidos pelo Núcleo de Apoio da Saúde da Família (NASF), Estratégias de Saúde da Família (ESFs) e Unidade Sanitária. O objetivo do projeto foi capacitar às crianças como multiplicadores de informação nesse trabalho de prevenção dos cânceres foco das campanhas dos meses de outubro e novembro. O trabalho foi realizado indo a campo, através de observação participante e se utilizando de conversas informativas, nas quais as crianças receberam informações sobre o que o câncer, como prevêni-los e especificamente o que é a campanha do outubro rosa e novembro azul, para que assim pudessem abraçar a causa. Posteriormente as crianças eram incentivadas a realizar desenhos ou confeccionar frases para impactar os adultos, os incentivando assim a prevenção dessas doenças, realização dos exames preventivos e ao desenvolvimento de hábitos de vida mais saudáveis. As crianças receberam material impresso e eram incentivadas a lê-los em casa com  seus pais e familiares. Os desenhos informativos das crianças foram expostos em uma palestra para mulheres intitulada “Saúde da Mulher: prevenindo o câncer de mama e o câncer cólo do útero” realizada na Unidade Sanitária da cidade, com o intuito de trazer as mulheres para essa unidade de saúde que é referência em saúde da mulher e foram expostos também em um evento denominado “Outubro Rosa e Novembro Azul” que reuniu no centro da cidade mais de vinte entidades para prestar orientações e informações sobre a saúde da mulher e saúde do homem, mobilizando toda a população Concordiense a desenvolver hábitos de vida saudáveis e realizar os exames preventivos periodicamente. Os resultados foram crianças melhores informadas e estimuladas a hábitos de vida salutares e principalmente multiplicadoras de informação; pais e familiares incentivados a realizar os exames preventivos; trabalhos expostos com êxito e com grande público para visitação, com impacto social abrangente. O público mirim foi fundamental para impactar adultos sobre o autocuidado e valorização da saúde. Comentários reflexivos expressados pelos adultos como: “as crianças tem muito a nos ensinar” ou “são anjos que nos estimulam a sermos melhores” demonstram que as crianças conseguiram verdadeiramente provocar uma reflexão e um movimento interno no público visitante das exposições. A educação em saúde é ferramenta poderosa de instrumentalização da população para o exercício pleno da saúde, principalmente quando realizada desde tenra idade, de forma lúdica e participativa. Palavras-chave: Prevenção; Educação em saúde; Saúde da Mulher e Saúde do Homem. 

##submission.authorBiography##

Simone Cristina Dalbello da Silva, Mestranda no Mestrado Interdisciplinar em Ciências Humanas pela UFFS de Erechim
Assistente Social da Prefeitura Municipal de Concórdia atuando no Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Formada em Serviço Social pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) com pós graduação em Saúde Pública com Ênfase em Saúde da Família pela UNINTER e mestranda no Mestrado Interdisicplinar em Ciências Humanas (PPGICH) pela Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) campus de Erechim.
Publicado
20-02-2018
Como Citar
DALBELLO DA SILVA, Simone Cristina. MULTIPLICADORES MIRINS - DO ROSA AO AZUL. Congresso Internacional de Políticas Públicas de Saúde, [S.l.], v. 1, n. 1, fev. 2018. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/CIPPS/article/view/7114>. Acesso em: 20 jan. 2019.
Seção
Educação e Formação em Saúde