AS MULHERES E A EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE: A EXPERIÊNCIA DAS RODAS DE TERAPIA COMUNITÁRIA

  • Liria Ângela Andrioli Universidade Federal da Fronteira Sul Laranjeiras do Sul
  • Walter Frantz Unijui
  • Maristela Borin Busnello Unijui

Resumo

O presente estudo tem por objetivo sistematizar a experiência das Rodas de Terapia Comunitária em Saúde (RTCs), realizada com mulheres do município de Porto Xavier/RS, no ano de 2012. A metodologia utilizada foi de natureza teórica, com tratamento qualitativo dos dados. Percebe-se que as RTCs podem vir a ser uma importante ferramenta para melhorar a qualidade de vida, na medida em que constituem um mecanismo de mudança de percepção da realidade. É por intermédio das RTCs que as mulheres têm a oportunidade de vivência, de socialização, de partilha e de convívio, que contribuem para um processo de empoderamento feminino.
 

Biografia do Autor

Liria Ângela Andrioli, Universidade Federal da Fronteira Sul Laranjeiras do Sul
Professora da Uffs Campus Laranjeiras do Sul
Walter Frantz, Unijui
Professor da Unijuí.
Maristela Borin Busnello, Unijui
Professora da Unijui.
Publicado
14-12-2017
Como Citar
ANDRIOLI, Liria Ângela; FRANTZ, Walter; BUSNELLO, Maristela Borin. AS MULHERES E A EDUCAÇÃO POPULAR EM SAÚDE: A EXPERIÊNCIA DAS RODAS DE TERAPIA COMUNITÁRIA. Congresso Internacional de Educação da UFFS LS - Território Cantuquiriguaçu, [S.l.], dez. 2017. ISSN 2595-1122. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/CANTU/article/view/6911>. Acesso em: 17 jan. 2019.