EDUCAÇÃO DO CAMPO: ASPECTOS HISTÓRICOS DO SURGIMENTO DA PROPOSTA

  • Karina Hiane Cassol Universidade Federal da Fronteira Sul Campus Laranjeiras do Sul

Resumo

A intenção desta pesquisa é aprofundar o entendimento do contexto histórico em que se iniciou as propostas de Educação do Campo no Brasil, tendo como objetivo apontar os avanços e as contradições presentes nestas propostas desde sua fundamentação teórica até seus desdobramentos políticos, especialmente depois de sua institucionalização. Nossa hipótese é a de que a institucionalização da proposta da Educação do Campo a colocou a reboque do Estado, tirando dela seu caráter de resistência e aprofundando seu caráter conservador. O que nos permite levantar tal hipótese é nossa concepção teórica de que o Estado não é neutro, mas o comitê de uma classe para dominar a outra, no caso do Estado brasileiro, o comitê da grande burguesia e dos latifundiários para dominar a classe operária e camponesa.
Publicado
16-12-2017
Como Citar
CASSOL, Karina Hiane. EDUCAÇÃO DO CAMPO: ASPECTOS HISTÓRICOS DO SURGIMENTO DA PROPOSTA. Congresso Internacional de Educação da UFFS LS - Território Cantuquiriguaçu, [S.l.], dez. 2017. ISSN 2595-1122. Disponível em: <https://periodicos.uffs.edu.br/index.php/CANTU/article/view/6910>. Acesso em: 17 jan. 2019.